Alemanha Top

Neuschwanstein: viva a magia dos contos de fadas

ago 04, 2009 Adriana Magalhães
Conte pros seus amigos
Share

Eu sempre sonhava em conhecer o castelo Neuschwanstein, chamado o castelo de conto de fadas, LITERALMENTE. Ele foi construído na segunda metade do século 19, por um rei muito do metrossexual, o Ludwig II da Baviera, na Alemanha. As cidades mais próximas são Schwangau e Fussen, e fica bem ao sul do país, quase na fronteira com a Áustria. A chegada à região é um deslumbre: começam a aparecer os primeiros picos nevados e – de repente – castelos inacreditáveis em meio a essas montanhas. Magnífico.

Neuschwanstein ao fundo, vista maravilhosa

Ao lado do Neuschwanstein, um pouco abaixo, fica outro castelo, tão bonito quanto, o Hohenschwangau (vai ter nome difícil assim…), também do rei Ludwig.

Hohenschwangau, castelo na Baviera - Alemanha

A visita para os dois castelos é conjunta. Esperamos um guia que falasse inglês ou espanhol (acho que escolhemos o inglês). O nosso parecia um mordomo muito saído dum filme doidão: era um cara magro, esquisito demais, que falava muito estranho. Eu e Bruno ficamos a maioria do tempo só rindo dele.

Neuschwanstein Vista do castelo de Neuschwanstein


Para subir ao Neuschwanstein, os turistas têm opções de ir com charretes ou andar uns 40 minutos no meio da floresta… opção deliciosa. As visitas têm hora marcada para acontecer, e o castelo é um templo do turismo na região: lotado de gente de todas as raças e línguas.

O legal é que não é só a arquitetura que é legal. Todo o ambiente que cerca os castelos foi escolhido a dedo. A natureza é deslumbrante, com direito a lago do cisne, montanhas nevadas, floresta e pedras. Simplesmente o máximo.
Neuschwanstein

Fussen

Em Fussen fomos a uns barzinhos transados, tinha boates também. Comprei uma daquelas roupas que o povo usa na Oktoberfest, vocês acreditam que tem lojas e mais lojas vendendo aquele tipo de roupa? Muito fera!
Ficamos num hotel em Schwangau (fica tudo muito próximo, sei lá, 5 minutos de Fussen), muito bom e bem localizado, chamado Landhotel Guglhupf. Do teto do banheiro tínhamos uma vista para os castelos, uma comédia. Isso, claro, porque não quisemos pagar mais caro pela vista completa. Agendei pelo Booking.
Para quem quer caminhar pelas montanhas ou pedalar, o lugar é indicadíssimo. Eu não tinha tempo mas até que fiquei tentada a subir (ou melhor, descer) umas montanhas por lá.
Essa foi a última cidade que escolhemos para a Rota Romântica na Alemanha.

Links relacionados

Wurzburg
Rothemburg ob der Tauber, aqui neste blog.


Gostou do blog? Então, quando for reservar seu hotel, clique num banner do Atravessar Fronteiras. Você não paga nada a mais por isso, e nós agradecemos a gentileza.

Booking.com

Conte pros seus amigos
Share